POLARIS DEIXOU SEU SEGUNDO ÁLBUM ‘THE DEATH OF ME’ EM UM “LUGAR SOMBRIO”.

1

The Death of Me é o segundo álbum de estúdio da banda australiana de metalcore “Polaris”.

Depois de se cimentarem na comunidade metalcore com seu álbum de estréia, Polaris sabia que quando se tratava de escrever e gravar seu segundo esforço, eles teriam uma tarefa árdua pela frente. Alistando Lance Prenc e Alpha Wolf’s Scott Simpson para co-produzir o álbum, o grupo se retirou para Mollymock  que fica situado na costa sul de Nova Gales do Sul, Austrália para concentrar seus esforços.

O baterista Daniel Furnari comenta sobre a faixa “Pray For Rain”.

“Pray For Rain” apresenta o álbum com a idéia de que todos nós começamos nossas vidas com uma reserva de energia positiva dentro de nós, uma fonte inata de esperança e fé na bondade humana, que ao longo de nossas vidas é drenada e seca à medida que estamos cada vez mais expostos às verdades mais obscuras do mundo, deixando-nos cínicos e exaustos ou quebrados e vitimizados. A canção estabelece estas metáforas de fogo e água, ambas com ângulos positivos e negativos em relação a elas, de modo que as coisas que desejamos ou nos agarramos à força também podem nos tornar fracos, e as coisas de que temos medo também podem ser as mesmas coisas de que precisamos. Agarramo-nos a tudo o que podemos encontrar para nos confortar, mas tudo o que realmente queremos é nos reabastecer e restaurar o que perdemos com o tempo. 

O álbum foi lançado em 21 de fevereiro de 2020 sob Resist Records e SharpTone Records e foi indicado para o Prêmio ARIA de Melhor Álbum de Hard Rock/Metal.

Por: Luan Pereira Lemos

 

Share.

About Author

1 comentário

Leave A Reply